O vinhedo é cultivado nas colinas de Mezola, próximo a Cerbaia, fração do município de San Casciano in Val di Pesa, ao lado de Florença. Além das castas tradicionais da região toscana, foi implantada como experiência pioneira a uva Malbec.
Os vinhos evoluem em tonéis de carvalho de 1.000 e 5.000 litros por períodos de um a três anos, seguidos do afinamento em garrafas por mais um a dois anos. Os nomes dos vinhos foram escolhidos em homenagem à história de Cerbaia.
A produção estimada deve chegar a 30.000 garrafas/ano.

img01

O território do Chianti Classico fica na região da Toscana que produz vinhos desde o Império Romano, quando Cerbaia era conhecida como o local das três torres,“Triturris ad Pontes Pesae“. Na Idade Média, as edificações foram usadas para a defesa de Florença.

A primavera e o verão locais são marcados por temperaturas médias de 28°C, com variação térmica em torno de 12°C entre noite e dia, e insolação média diária de até 15 horas. Vista do vinhedo Malbec.

img01
img01

Os solos são argilosos e ricos em água, incentivados pelo plantio anual de vegetação portadora de matéria orgânica. Vista do vinhedo Sangiovese.

Vistas dos tonéis de carvalho e amostra dos rótulos.

img01